Uma Canção de Compaixão

Songs | Tibetan MastersShabkar Tsokdruk Rangdrol

English | Deutsch | Español | Français | Português | བོད་ཡིག

Shabkar Tsokdruk Rangdrol

Shabkar Tsokdruk Rangdrol

Further Information:

Uma Canção de Compaixão

de Shabkar Tsokdruk Rangdrol

Meu coração está com todos os que estão sofrendo agora,
Minhas próprias mães que cuidaram tão gentilmente de mim,
Por todos os tempos, do início até agora.

Essas bondosas mães me refrescaram quando estava quente,
Mas agora algumas nasceram nos oito infernos quentes,
Atormentadas pelo calor ardente – meu coração está com elas!

Essas minhas mães me aqueceram quando estava frio,
Mas agora algumas nasceram nos oito infernos gelados,
Atormentadas pelo frio congelante – meu coração está com elas!

Essas minhas mães me deram comida e bebida quando tive fome e sede,
Mas agora algumas renasceram como espíritos famintos,
Atormentadas pela fome e seca – meu coração está com elas!

Essas bondosas mães sempre cuidaram de mim com amor,
Mas agora algumas renasceram como animais,
Atormentadas pela servidão e exploração – meu coração está com elas!

Essas bondosas mães, com carinho me deram tudo o que desejei,
Mas agora algumas nasceram entre os seres humanos,
Atormentadas pelas dores do envelhecimento e da morte – meu coração está com elas!

Essas bondosas mães me protegeram de todo perigo,
Mas agora algumas nasceram entre os asuras,
Atormentadas pela luta e pelas guerras – meu coração está com elas!

Essas bondosas mães me nutriram e trouxeram apenas benefícios,
Mas agora algumas nasceram entre os deuses,
Atormentadas pela morte e transmigração – meu coração está com elas!

Sozinhas, vocês não têm como escapar das dores do saṃsāra,
E, por enquanto, não têm como se protegerem –
Oh minhas mães, passando por tanto sofrimento, meu coração está com vocês!

Quando considero esses sofrimentos pelos quais todos passamos,
Penso “se ao menos eu pudesse alcançar a iluminação!
Que não seja amanhã, mas que me venha hoje!”

Rapidamente, muito rapidamente, que eu alcance o estado desperto,
E, tendo assim feito, que eu elimine a dor de todos os seres,
Guiando-os à perfeita felicidade, assim rezo!

Quando grupos de gente pobre, que nunca tiveram roupa e comida suficientes, vieram mendigar de novo e de novo na minha cabana de retiro, fui tomado por uma compaixão do fundo do coração, e, derramando muitas lágrimas, escrevi essas palavras.

| Traduzido do tibetano por Adam Pearcey em 2008. Traduzido do inglês por Gustavo Santhiago em 2019.

• Download this text: EPUB MOBI PDF